Confira algumas curiosidades sobre o ENEM!

Tempo de leitura: 3 minutos

Ao longo de seus mais de 20 anos de história, o Exame Nacional do Ensino Médio vem acumulando muitas mudanças. Atualmente, a prova é a maior porta de entrada para o ensino superior no Brasil. Mesmo sendo tão popular, há algumas coisas, como curiosidades sobre o ENEM,  que os estudantes não sabem.

 

Confira curiosidades sobre o Enem

O ENEM é aplicado pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep). Ele acabou se tornando bastante popular por ser usado como vestibular em diversas instituições de ensino. Além disso, é também é utilizado para a obtenção de bolsas de estudo pelo ProUni e financiamentos estudantis com o FIES. Veja a seguir algumas curiosidades sobre o exame:

 

Aplicação das provas

Inicialmente, o ENEM tinha como objetivo avaliar os três últimos anos escolares. A ideia era que ele ajudasse a proporcionar algumas mudanças na base curricular do ensino médio, por meio da avaliação da qualidade de ensino. Somente depois de um tempo é que o exame passou a ser uma ponte para o ensino superior. Aliás, até 2008, o ENEM era aplicado em um único dia. Com 63 questões, a prova tinha 4 horas de duração. 

 

Dimensão do ENEM

Talvez você não saiba disso, porém o ENEM é considerada a segunda maior prova de acesso ao ensino superior do mundo em relação ao número de inscritos. Ele perde apenas para o Gaokao, prova realizada pelos estudantes chineses.

 

Método de correção 

Muita gente não sabe que as questões do ENEM são corrigidas por um método conhecido como TRI, ou seja, Teoria de Resposta ao Item. Esse método de correção leva em conta fatores como:

 

  • Dificuldade das questões;
  • Número de respostas corretas;
  • Quantidade de candidatos que marcaram a mesma resposta.

 

Por esse motivo, nem sempre os estudantes que acertarem a mesma quantia de perguntas terão notas iguais. Dessa forma, chutar uma resposta pode ser extremamente prejudicial, pois o sistema de correção entende que você chutou se você acerta as questões mais difíceis e acerta as fáceis.

 

Certificação do Ensino Médio

Até 2016, além de avaliar a qualidade do ensino brasileiro, o ENEM também podia ser utilizado para obter a certificação do ensino médio. Contudo, atualmente essa responsabilidade passou a ser do Exame Nacional de Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja).

 

Padrão das provas

O ENEM possui um padrão: no total são 180 questões que podem ser divididas em quatro habilidades:

  • Ciências Humanas e suas Tecnologias;
  • Matemática e suas Tecnologias;
  • Ciências da Natureza e suas Tecnologias;
  • Linguagens, Códigos e suas Tecnologias.

As provas possuem 32 páginas, um requisito técnico que facilita a impressão e reduz custos. Além disso, para cada conteúdo são aplicadas 45 perguntas. 

 

Outras curiosidades sobre o Enem

Algumas outras curiosidades sobre o ENEM são:

  • As provas já foram furtadas de uma gráfica. Isso obrigou o Inep a imprimir tudo novamente e reagendar a data de aplicação. O fato ocorreu em 2009;
  • Os candidatos treineiros de 2015 testaram uma versão digital do ENEM;
  • Colar no ENEM é crime e quem o faz pode pagar multa e até ser preso por um período de 1 a 4 anos;
  • É possível que os estudantes concorram a vagas por meio dos programas do governo como ProUni, FIES e SISU para ingressar em uma universidade;
  • Desde 2014 os candidatos transexuais e travestis podem colocar seus nomes sociais nas inscrições;
  • Existem cerca de 34 universidades em Portugal que aceitam a nota do ENEM como forma de ingresso.

Conte com a Gabaritando Enem

Estude para os vestibulares com a Gabaritando Enem e garanta sua vaga no ensino superior. Além de dicas, tenha acesso a planos de estudos, materiais de apoio, plantões de dúvida, videoaulas, redações corrigidas, simulados e muito mais. Saia na frente e saiba fazer a interpretação de textos para o Enem 2019 pelo computador, celular ou tablet!

[wpdevart_facebook_comment/* Para remover esta mensagem, instale e configure o plugin Facebook Comments WordPress (https://wordpress.org/plugins/comments-from-facebook/) em "Plugins > Adicionar Novo" */]